Redes sociais são a nova paixão nacional

Novembro, 2010

Durante os dias 2 a 15 de setembro, o Ibope Mídia realizou estudo sobre o fenômeno das redes sociais no Brasil e constatou que esta é a nova paixão nacional. Foram entrevistadas 8.561 pessoas com 10 anos ou mais, de onze regiões do país.

A pesquisa concluiu que o acesso as redes sociais foi incorporado à rotina da maioria das pessoas. Cerca de 60% usam as redes há três ou mais anos. Cerca de um terço dos usuários ficam conectados às redes no mínimo 1h por dia e 37% acessam mais de uma vez por dia.

Em Florianópolis, 82% dos entrevistados acessam alguma rede. No Grande Rio, esse percentual é de 74% e em São Paulo chega a 64%. O principal local de acesso é a residência, seguido pela Lan House e depois casas de amigos.

O Orkut é a rede mais acessada com 91%. Em segundo lugar fica o Facebook (14%) e o Twitter segue em terceiro com 13%.

Pelo estudo, a mídia social é uma forma moderna de socialização, sendo a troca de mensagens nas redes de relacionamento com amigos o principal motivo de acesso. Cada participante das redes sociais tem em média 273 amigos. No Rio de Janeiro e Belo Horizonte, 13% tem mais de 700 amigos. Quando conectadas as redes sociais, 54% das pessoas afirmaram que não se sentem só.

As redes também são utilizadas por 37% dos usuários com a finalidade de se informar. Outro dado é que 60% das pessoas afirmam encontrar nas mídias sociais toda informação necessária para se atualizar.

O levantamento mostra também que 29% não imaginam a vida sem as redes de relacionamento, sendo 37% jovens e 22% adultos. Daqueles que não acessam, 34% têm interesse em começar. Desse total, 42% são da classe C.

Divulgação de produtos e serviços

A pesquisa também constatou que as empresas estão oficialmente convidadas a realizar ações nas redes sociais.

As redes sociais são utilizadas para tomar decisões de compra por 25% dos internautas entrevistados. Sendo que 75% das pessoas não se incomodam de empresas usarem as mídias sociais para divulgarem produtos, serviços ou se comunicar com o consumidor e avaliar seu comportamento.

Aprender sobre a cadeia que alimenta as redes sociais e seu comportamento é fundamental para que marcas possam se relacionar bem com seus consumidores. Nas mídias sociais, 96% dos internautas ouvem, assistem e lêem, 83% compartilham informações, 44% avaliam, comentam e participam, 33% produzem conteúdo, 10% editam, moderam discussões e influenciam.


Fonte: “O fenômeno das redes sociais no Brasil” do Ibope Mídia – MaxiMidia 2010



voltar
home